Mudar de carreira não significa que você fez uma escolha ruim anteriormente. Significa que você descobriu novas oportunidades, se abriu para novas experiências e passou a se conhecer mais.

Por isso, viemos aqui te dar algumas dicas valiosas para você se sair bem durante a sua Transição de Carreira para a área de programação. Seguindo este passo a passo, você aumenta as suas chances de sucesso. Preparado(a)?

1- Montando seu currículo

Deixe claro que você está em transição de carreira. É importante o profissional de Recursos Humanos entender o seu momento profissional.

→ Coloque suas principais experiências no currículo. Selecione as experiências que mais podem agregar valor e contribuir para o cargo ao qual está se candidatando.

→ Procure fazer link entre as carreiras. Mostre como sua experiência na carreira anterior pode contribuir em sua nova carreira.

Surpreenda o recrutador. Entenda o perfil da vaga, o que o recrutador está buscando e explore as suas soft skills.

→ Anexe uma Carta de Apresentação. Conte a sua história, suas motivações. Mostre que você está disposto a construir uma nova carreira, que está aberto a propostas e negociações.

→ Não deixe margem para dedução. Seja claro(a)na sua comunicação, nos seus objetivos. O recrutador analisa muitos currículos e não terá tempo de fazer dedução. Se considerar importante alguma informação, deixa-a explícita.

2- Adquirindo experiência

A experiência é um ponto crucial quando estamos buscando oportunidades profissionais. Mas ao começar uma nova carreira, você não terá muito experiência para mostrar seus conhecimentos técnicos. Por isso, crie oportunidades.

→ Explore o Github: Teste, experimente, mostre a qualidade do seu trabalho, do seu código. Isso te dará experiência técnica e você começará a montar seu portfólio.

→ Participe de bootcamps, imersões e maratonas de Programação. É muito comum encontrar esses eventos, e muitos deles, na modalidade 100% on-line. Neles, você terá formações imersivas e super intensivas com muita informação técnica. E ainda conhecerá pessoas das áreas.

→ Leia códigos dos outros! Você vai aprender padrão de projeto, bibliotecas, maneira de programar. Tudo isso te proporcionará amadurecimento técnico para enfrentar desafios e conhecimentos.

3- Construindo networking

É provável que você só tenha contatos da sua antiga profissão. Então, é hora de partir para a construção de uma nova network!

Adicione pessoas da área de programação e recrutadores e participe de eventos.

A comunidade de Programação é composta por pessoas abertas a ajudar os colegas. Estes profissionais compartilham diariamente conhecimento da área, o que vai te ajudar bastante, e respondem dúvidas. Adicione o máximo de pessoas que puder. E caso receba um “não”, parta para outra pessoa!

Adicione recrutadores. Eles estão super acostumados a receber convites. Por isso, pode mandar sem medo. Adicione e mande mensagem. Crie relação com eles! E lembre-se: eles olham tudo. Atualize sua biografia, histórico, recomendação, competências, certificações, artigos. Deixe tudo de acordo com a sua transição de carreira.

Participe de eventos! Vale tanto os presenciais quanto os on-line. Conheça pessoas, puxe conversa, participe dos debates. Mostre-se aberto(a) para o diálogo e disposto(a) a conhecer novas pessoas. Aqui, na Cubos Academy, estamos sempre realizando programação gratuitas! Acompanhe nossas redes sociais. ☺

Instagram LinkedIn  Youtube  Facebook

Quer mais dicas para começar sua carreira em Programação? Temos um e-book completo para te ajudar! Confira o E-book Transição de Carreira em Programação.