A linguagem C é uma das linguagens de programação mais antigas e amplamente utilizadas. Ela é uma linguagem de programação de baixo nível que é bastante eficiente e pode ser usada em vários tipos de projetos.

Esta linguagem foi criada com um propósito específico: ser utilizada no desenvolvimento de uma nova versão do sistema operacional Unix, substituindo a linguagem Assembly. Desde o início, C foi criada por programadores para programadores.

É considerada uma linguagem de propósito geral, capaz de ser utilizada em diversos tipos de projetos, e é altamente portável, permitindo que programas escritos em C sejam facilmente utilizados em diferentes plataformas.

Com C, é possível desenvolver sistemas operacionais, aplicativos de todos os tipos, drivers e outros controladores de dispositivos, além de programar microcontroladores, entre outras aplicações.

Além da flexibilidade, a linguagem C é capaz de gerar programas extremamente rápidos em tempo de execução e possui uma sintaxe simples e poderosa, com instruções de alto nível. A linguagem C influenciou diretamente muitas outras linguagens, como C++, Java, C#, Objective C, e outras.


A sintaxe da linguagem C é bastante simples e é composta por uma série de instruções que são executadas em ordem sequencial. Uma das principais características da linguagem C é que ela é fortemente tipada, o que significa que o tipo de dado que está sendo manipulado deve ser especificado de forma explícita.


Para começar a programar em C, é necessário ter um compilador de C instalado em seu computador. Existem vários compiladores disponíveis, como o GCC e o Clang, gratuitos e de código aberto.

language-c

Alguns Prós da Linguagem C

  • É uma linguagem estruturada e, sendo assim, oferece uma abordagem de programação que pode dividir problemas em módulos ou funções menores, mais fáceis de entender e modificar.
  • É Portátil. É independente de máquinas, programas construídos em C podem ser executados em diferentes máquinas.
  • Ele oferece inúmeras funções de biblioteca integradas que agilizam o processo de desenvolvimento.
  • Permite a utilização da função "free()" para alocação dinâmica de memória, que pode ser usado para liberar a memória a qualquer momento.
  • É baseada em compilador, o que torna a compilação e execução do código mais rápida.
  • Usa ponteiros, que melhoram o desempenho, permitindo a interação direta com a memória do sistema.
  • Permite que os desenvolvedores voltem atrás, fornecendo a reutilização de código para cada função.
  • Um programa C pode ser facilmente estendido. Se o código já estiver escrito, novos recursos e funcionalidades podem ser adicionados a ele com pequenas alterações.

Alguns Contras da Linguagem C

  • Não estende seu suporte para recursos de programação orientada a objetos (OOP).
  • Faltam recursos de namespace, o que significa que o mesmo nome de variável não pode ser reutilizado em um escopo. Sem namespaces, é impossível declarar duas variáveis com o mesmo nome.
  • Não exibe erros de código após cada linha de código; em vez disso, todos os erros são apresentados pelo compilador depois que o programa foi escrito. Isso pode tornar a verificação de código um desafio, especialmente para programas maiores.
  • Como não é orientada a objetos, ela não oferece recursos de constructos e destructor. Construir ou destruir uma variável em C deve ser feito manualmente através de uma função, ou de outras formas.
  • Não é equipada com coleta de lixo. Esse importante recurso recupera automaticamente a memória de objetos que não são mais necessários para a biblioteca ou um aplicativo.
C

Sintaxe da Linguagem C

Assim como a língua portuguesa, a linguagem de programação C também possui uma sintaxe, que é um conjunto de regras para o uso correto da linguagem. As regras de sintaxe em C incluem tipos de dados, funções e declarações, e as bibliotecas C contêm várias funções básicas, como a função scanf(), que pode ler dados do teclado. É obrigatório incluir um ponto e vírgula (;) para finalizar a instrução do código em C, e também é possível incluir comentários no bloco usando "/" e "/" ou na linha usando "//".

Identificadores

Identificadores são usados para nomear alguns dos principais elementos da linguagem, incluindo variáveis, constantes, funções, entre outros. Alguns exemplos de identificadores incluem "nome", "nomeDoAluno" e "pesoDoProduto". Para utilizar os identificadores corretamente, é preciso seguir algumas regras, tais como iniciar por uma letra ou underline, não utilizar espaço entre termos, considerar letras minúsculas e maiúsculas como diferentes e não usar caracteres especiais ou acentuação.

Variáveis

Uma variável em programação é uma posição na memória do computador. É necessário declarar a variável no início do programa para que possa ser utilizada posteriormente.

Tipos de Variáveis:

  • char: armazena letras e símbolos;
  • int: armazena números inteiros de -32767 a 32767;
  • float: armazena números entre -3.4 x1038 e 3.4 x 1038 com até 6 dígitos;
  • double: armazena números entre -1.7 x 10308 até +1.7 x 10308 com até 10 dígitos.
programação

Palavras reservadas

Assim como em outras linguagens de programação, a linguagem C também possui palavras reservadas. A lista não é extensa, confira abaixo:

  • if;
  • do;
  • while;
  • return;
  • default;
  • else;
  • for;
  • void;
  • switch.

Projetos em que a Linguagem C é recomendada

A linguagem de programação C é uma opção popular para vários tipos de projetos, incluindo:

  1. Sistemas operacionais: A maioria dos sistemas operacionais, como o Unix e o Linux, são escritos em C. A linguagem permite acesso direto à memória e aos recursos do sistema, além de ser capaz de gerar programas extremamente rápidos em tempo de execução.
  2. Aplicativos de sistema: C é uma escolha comum para desenvolver aplicativos de sistema que interagem diretamente com o hardware do computador, como drivers de dispositivo, controladores de rede e sistemas de arquivos.
  3. Programação embarcada: C é amplamente utilizado na programação de microcontroladores e sistemas embarcados. A linguagem permite controle de baixo nível e acesso direto ao hardware, o que é essencial para muitos dispositivos eletrônicos.
  4. Jogos: C é uma opção popular para a criação de jogos, principalmente em jogos de console. A linguagem permite acesso direto aos recursos do sistema e é capaz de gerar programas extremamente rápidos em tempo de execução.
  5. Aplicativos de criptografia: C é uma escolha comum para desenvolver aplicativos de criptografia, pois permite acesso direto aos recursos do sistema e oferece controle de baixo nível. Além disso, a maioria das bibliotecas de criptografia é escrita em C.
language-C

Conclusão

Em resumo, a linguagem C é uma das linguagens de programação mais populares e versáteis disponíveis. Embora a programação nesta linguagem possa ser um pouco mais complexa do que em outras linguagens, os recursos de baixo nível que ela oferece podem ser extremamente úteis para projetos que requerem alta eficiência e acesso direto à memória do computador.

Criada com o objetivo de desenvolver o sistema operacional Unix, C se tornou uma linguagem de propósito geral e é amplamente utilizada em diversos projetos, desde sistemas operacionais até microcontroladores. A sua portabilidade, velocidade, sintaxe simples e poderosa, e a possibilidade de criar programas extremamente rápidos em tempo de execução fazem dela uma escolha ideal para muitos desenvolvedores. Além disso, a sua influência se estendeu a muitas outras linguagens de programação, tornando-a uma das bases fundamentais da computação moderna. Se você está buscando uma linguagem de programação versátil e poderosa, a linguagem C pode ser a escolha certa para você.

Confira nossas amps, outros blogpost e páginas: